CLIQUE E OUÇA RADIO CANAL39

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Pra que se "descabelar"?

Quando o prefeito Vito Ardito anunciou que iria cortar os gastos com os esportistas "representantes" de Pindamonhangaba, muita gente começou a virar os olhos, botar a mão no queixo, arrancar os cabelos...

Segundo Ardito, quase 500 mil reais eram canalizados para atendimento das modalidades de "elite", cujas equipes eram compostas, em sua quase totalidade (se não a mesma totalidade) por atletas "importados".

O que muita gente não visualizou é a famosa relação CUSTO X BENEFÍCIO.

Quanto se gasta com cada atleta e qual é o verdadeiro benefício que ele proporciona à cidade, à população?

Quanto soma a sua folha de pagamento e o quanto ele gasta com alimentação, tratamentos médicos, moradia, equipamentos, etc?

A premiação em dinheiro, quando ocorre, fica para quem?

Essa mesma premiação é superior aos gastos ou fica devendo muito?

O prefeito já fez as contas: 500 mil por mes = 6 milhões/ano. Em 4 anos = 24 milhões de reais.

Esses valores ajudam, em muito, qualquer ação na área da Saúde, Segurança, Social, etc...

E serve para tirarmos, das ruas, crianças e adolescentes que se expõem à sedução dos traficantes...

Pra que se descabelar, quando é fácil apenas usar a massa cinzenta para cuidar do dinheiro público?

Nenhum comentário:

Postar um comentário