CLIQUE E OUÇA RADIO CANAL39

quinta-feira, 19 de julho de 2012

RETOMANDO O FIO DA MEADA

Depois de um longo e tenebroso pré inverno, com direito a sustos e fortes emoções pessoais, voltamos a rabiscar algumas palavras nesse espaço dedicado à descontração.
Vamos lá...
Nestes tempos de comemorações, profissionalmente participei de momentos de muita festa e bastante emoção.
Um desses momentos foi quando se juntaram para uma foto três bons amigos, de há muito tempo: professor Alfredo de Andrade, o Una, Renatinho Munhoz e Janjão, filho do Una.
A oportunidade foi muito importante para os apreciadores do esporte, de um modo geral e, em especial, para os que curtem voleibol.
Una foi homenageado pela Câmara de Vereadores de Pindamonhangaba, contemplado com o título de cidadania. Muito mais do que merecido, conquistado pelos seus longos anos dedicados à difusão do esporte e à formação de muitos atletas d nossa cidade.
Após o final da sessão solene da edilidade, Una posou ao lado de Munhoz e Janjão, dois de seus bons atletas daqueles tempos em que cada ponto precisava de duas bolas no chão (ou queimando a rede / ficando na rede). Eita saudade!!!
Renatinho, Una e Janjão

Interessante: antes de começar a sessão solene comemorativa ao aniversário da cidade, na Câmara de Vereadores, uma dupla corria contra o tempo, talvez por não ter participado da Corrida Pinda.
Os dois "mandavam ver", na colocação de uma placa de identificação, na entrada da edilidade. Parece que lhes faltou programação de tempo...

Por falar em placa, numa dessas andanças nossas como repórteres, eu e minha esposa Edna Maria fizemos um pit stop pelas bandas de São Bento do Sapucaí.

Num passeio de domingo, pela manhã, encontramos uma academia de ginástica. O ideal para quem frequenta uma academia é que tenha, sempre, bom desempenho.
Você se deixaria encantar pelo nome dessa, para obter bom desempenho, ou ficaria "com a pulga atrás da orelha"? O nome de fantasia sugere algo?

O incrível é como a tecnologia ajuda, na maior parte das vezes, a todas as pessoas.
Entretanto, noutros tantos de vezes, fica complicado atender uma ligação, mesmo em se tratando de celular.
Principalmente quando não queremos ou não temos condições de atender a quem nos liga...

Esse daí pode dizer que alguém esteve aos seus pés, para conseguirem conversar...
Abraços, minha gente, e que o frio desperte o calor humano em todas as pessoas de bem.
Axé!