CLIQUE E OUÇA RADIO CANAL39

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

RONDON, JORNAIS IMPRESSOS, PSICOGRAFIA, LOMBADAS, ECOLOGIA, MAIS DINHEIRO JOGADO FORA...

PROJETO RONDON COM INSCRIÇÕES ABERTAS – Instituições de ensino superior que desejarem conquistar habilitação para participar da próxima etapa do Projeto Rondon, programado para acontecer em 23 municípios do Estado do Maranhão, entre 20 de janeiro e 06 de fevereiro de 2012, podem obter informações detalhadas neste endereço: aqui

UM DOS MAIS ANTIGOS JORNAIS DO INTERIOR, e o mais antigo da cidade, a Tribuna do Norte tinha prelo contratado junto às oficinas do Jornal da Cidade. Numa nova licitação, mudou de cidade, mas continua sendo impresso em oficinas do Jornal da Cidade, mas de Rio Claro. Será que a diferença de preços era muito grande, para menor, fazendo com que a gráfica de lá ganhasse da gráfica de cá? E anteriormente, ninguém se habilitou a fazer preço menor? O frete, para buscar as edições impressas, também compensa?

OFICINA PSICOGRAFADA – Uma nota, ilustrada com foto, comentou a apresentação do baterista Alexandre Cunha em Pindamonhangaba. A jornalista que assina a discreta matéria praticamente “psicografou” a “levada musical” de Cunha, pois somente o fotógrafo que presta serviços ao jornal esteve presente ao espetáculo de musical instrumental. Detalhe: a cantora citada na matéria não se apresentou em nossa cidade...

LOMBADAS “EX-LETRÔNICAS” – é o título que se pode dar aos restos mortais dos equipamentos recentemente desinstalados nas principais vias da cidade, em locais de visível risco de acidentes entre veículos automotores e pedestres. De resto, apenas uma pintura no leito carroçável e uma fria placa determinando o limite de velocidade para 50 km/h, pelo menos na Avenida Nossa Senhora do Bom Sucesso, próximo ao Posto BR.

DESAFIO “ECOILÓGICO” – A ação para motivação à preservação ambiental amparada pela Prefeitura Municipal e brilhantemente realizada pelo idealista Maurício Cortez só teve um detalhe negativo: os flyers (voadores, em português) distribuídos para divulgação do 6º Desafio Ecológico, voaram – em sua maioria, para dentro dos bueiros dos bairros adjacentes à Escola Dr. João Pedro Cardoso. Aliás, a distribuição de flyers, panfletos, folhetos, etc., tem sido desordenada e resulta em total pouco caso com o dinheiro investido em sua produção e distribuição.

EMPRESAS DE DESTAQUE, como Vita Fiat, Ativ Ford, Gold Finger; supermercados Paratodos, Semar, Dia e Excelsior, por exemplo, precisam repensar seus investimentos em mídia impressa, auditando a distribuição. É muito papel (leia-se R$) jogado fora, na maioria das vezes, visto o sistema de distribuição ser notadamente falho. Os distribuidores “enfiam” o material impresso em qualquer buraquinho de muro, cerca, grade, caixa de correspondência. Uma leve brisa pode jogar tudo no chão, provocando o entupimento dos bueiros e a perda do foco da ação publicitária.

ALCKMIN LIBERA SANITÁRIOS DE RODOVIÁRIAS – Já não era sem tempo. A partir de agora, qualquer cidadão tem o direito de usar os sanitários de qualquer estação rodoviária do Estado de São Paulo gratuitamente. Afinal, a famigerada taxa de embarque precisa ser mais do que uma fonte a mais de renda para as administradoras de terminais rodoviários. A lei, assinada pelo governador nosso conterrâneo (o sou por adoção) contempla, ainda, a necessidade de o cidadão ter o direito de fazer suas necessidades em local limpo e asseado. Desejos de que isso seja constante realidade.

ESPECULAÇÕES – Dias atrás, quando a mídia especializada em política começou a “cutucar” Paulo Skaf a respeito de suas possíveis intenções para as próximas eleições, o empresário destacou: “É cedo para qualquer decisão. Até quando tudo ficar às claras, nada passa de meras especulações”. Então, trocando em miúdos, quem disser que tem o apoio de Skaf, pode ter que se “skafeder” mais tarde...

SEM O DEDO DO VITÃO – Fábio Garufe, diretor do novo jornal lançado na cidade, Jornal Pindense, garante não ter “nadaver” com o político Vito Ardito. Apesar disso, destaca pesquisa realizada na cidade na qual Vitão está em primeiro lugar como nome mais lembrado. Meses atrás uma conhecida escola de informática, estabelecida no Largo do Cruzeiro pesquisava a opinião pública a respeito de diversos assuntos, inclusive os nomes mais lembrados na política local. Saúde e vida longa ao novo periódico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário