CLIQUE E OUÇA RADIO CANAL39

sábado, 6 de agosto de 2011

PUNIÇÕES E EXCELENCIA NO ATENDIMENTO

NOTA PUBLICADA PELA SECOM (SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO DA PRESIDENCIA DA REPÚBLICA: “O governo federal expulsou, no último mês de julho, 98 servidores envolvidos em diversos tipos de irregularidades, principalmente vinculadas à corrupção. O número é recorde quando comparado com as expulsões ocorridas em qualquer outro mês, desde 2003. Outro recorde ocorreu no número de expulsões registradas no período de janeiro a julho (328), em comparação com o mesmo período de qualquer outro ano, a partir de 2003.
O combate à corrupção e à impunidade na administração pública já levou o governo federal a aplicar punições a 3.297 agentes públicos por envolvimento em práticas ilícitas, no período entre janeiro de 2003 e julho de 2011. Os dados constam do último levantamento realizado pela Controladoria-Geral da União (CGU). As demissões somaram exatos 2.812 casos; as destituições de cargos em comissão, 281; e as cassações de aposentadorias, 204.

PARA ATENDER, É PRECISO ENTENDER AS PESSOAS – Às vezes me pergunto as razões de as pessoas, responsáveis pelo atendimento de outras pessoas, serem tão incompreensivas ou se passarem por “nem 'tou aí”. No setor de caixas do supermercado Semar Bonsucesso, em Pindamonhangaba, acontece isso, claro que com ressalvas. Muitas das operadoras não se preocupam em dar o troco de centavos. Arredondam, geralmente e sem nenhum sentimento de culpa, para mais. Na fila de ATENDIMENTO a pessoas rotuladas como preferenciais, outro descaso: quando não têm o troco todo para fornecerem ao cliente (e isso acontece o dia todo), recomendam que o cliente tido como preferencial fique do lado, aguardando as providencias para ter o troco. Questionei isso com uma das operadoras que trabalham nesse caixa. A resposta: “não posso parar a fila”. Reclamei junto a uma das encarregadas. Resposta: “Não vou falar pra ela atender o senhor primeiro. E o senhor pode ficar à vontade para tomar suas providencias”.
Então, segundo a suposta política de atendimento do Semar, o grande lance é não deixar a fila parar e, sim, fazer o cliente esperar do lado. Se não tiver troco para o próximo, ele também ficará “de ladinho, esperando”. Risco de começar a se formar outra fila.
Para motivar a rede Semar a treinar melhor seus atendentes, peço licença ao Bradesco para postar um vídeo breve, marcante e que é uma verdadeira aula sobre ATENDIMENTO.



Nenhum comentário:

Postar um comentário