CLIQUE E OUÇA RADIO CANAL39

terça-feira, 23 de agosto de 2011

BIODIVERSIDADE, ÉTICA, BEATLEMANIA, NOIVAS E PRÓSTATA

RECURSOS DA BIODIVERSIDADE CONTRA A LEISHMANIOSE CUTÂNEA – Um novo medicamento, desenvolvido a partir de um fruto brasileiro torna-se uma grande alternativa no tratamento alternativo contra a leischmaniose cutânea. Uma vantagem: não provoca efeitos colaterais.
O medicamento, elaborado por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), em Ribeirão Preto, é uma  pomada para cuidar das lesões de pele por causa da doença.
Considerada uma das “doenças esquecidas” pela indústria farmacêutica, a leischmaniose atinge as populações pobres da Ásia, África e América Latina.
Todos os anos, mais de dois milhões de pessoas de 88 países contraem leishmaniose. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a epidemia parasitária está entre as seis maiores da atualidade. A forma cutânea representa mais de 75% dos casos e provoca graves feridas e deformidades na pele e nas cartilagens. São 350 milhões de pessoas expostas ao mosquito transmissor, das quais 12 milhões são brasileiros. 

FALTA DE CONSIDERAÇÃO – Uma amiga procurou internação para sua filha que é dependente química. A jovem, de 19 anos de idade, já tem uma filha e vive momentos de proximidade com o mais baixo nível de sobrevivência no meio das drogas. Obteve, junto à OAB de Pindamonhangaba, a nomeação de um profissional para obter, no Juizado específico, autorização para internação compulsória da moça (quando a família toma a iniciativa, mesmo contra o desejo pessoal do dependente químico). O nomeado disse que iria fazer os procedimentos necessários. Isso, na sexta-feira que passou, dia 19 de agosto. Na segunda-feira, quando foi buscar o documento, ficou sabendo que o advogado nomeado fez viagem para o exterior, sem previsão de retorno. Parece que algum preceito ético profissional foi “levemente” esquecido pelo moço...

ALERTA AOS BEATLEMANÍACOS – Está por acontecer uma bela festa do mais puro rock’n roll da época, na cidade. Aguardem detalhes para os próximos dias. Deverá rolar muita coisa boa dos quatro cabeludos de Liverpool.

FABIANO BUSTAMANTE NÃO DESCANSA – O moço programa, agora, mais um Feira de Noivas, carro chefe de suas grandes realizações. Será em outubro, na vizinha cidade de Taubaté. Vamos estar por lá, para documentar e, depois, contar.

A VIDA POR UM DEDO – Ainda hoje, pleno Século 21, homens na casa dos quarenta anos de idade para cima, vivem o idiota comportamento de não se “entregarem” a um exame de próstata. Se para essa moçada é constrangedor ser tocado pelo dedo de um médico, imagine a esposa ou namorada de um deles ter que explicar  que “morreu porque não quis fazer exame de toque”. A próstata é uma glândula localizada estrategicamente no corpo humano dos indivíduos do sexo masculino, entre o reto e a bexiga. Para ser examinada, precisa ser acessada via anal. Nessa oportunidade o médico urologista tem como ferramenta seu dedo indicador (O folclore dos leigos jura ser o dedo médio...). O especialista examina a textura e o tamanho da glândula. Com isso,  pode determinar o estado de saúde da mesma. Como recursos adicionais, no diagnóstico, podem ser feitos exames de sangue, o PSA e a ultrassonografia transretal que se utiliza de uma aparelho introduzido no reto do paciente. Pesquisadores indicam que o câncer de próstata tem incidência geralmente a partir dos 40 anos de idade e recomendam exames anuais, como forma de controlar o risco. Trocando em miúdos, vale a pena “um dedinho de prosa” com um médico especialista. Afinal, homens que amam suas mulheres precisam, primeiro, amar a própria vida. Para ler mais a respeito: http://www.abcdasaude.com.br/artigo.php?123

Nenhum comentário:

Postar um comentário